Através de um estudo realizado na Nova Zelândia vem-se desmitificar a acção da vitamina D.

Image

Ao contrário do que é afirmado por médicos, bem como pelo senso comum, um grupo de investigadores descobriu que a vitamina D não possui qualquer efeito protector significativo contra o cancro, doenças cardiovasculares ou, até mesmo, fracturas.

Os resultados deste estudo, publicados na revista Lancet § Diabetes Endocrinology, revelam que a acção da vitamina D ajuda a combater estas doenças numa percentagem inferior ao limite estabelecido de 15%. O único caso em que este valor é superado são os idosos que vivem em lares, nos quais a combinação de vitamina D com o cálcio, ajuda a prevenir numa média superior a 15%, o risco de fracturas ósseas.

Fonte: Diário de Notícias através do Feedly

 

Advertisements