A Microsoft quer alargar o número de fabricantes a usar o Windows Phone e para isso está disponível a gastar 2.6 mil milhões de dólares por ano.

Quando a Nokia aceitou mudar-se para o Windows Phone a grande razão foram os mil milhões de dólares que lhe foram oferecidos para apoio da plataforma. No entanto a parceria não está a render o desejado ,especialmente para o lado da Microsoft.

Fonte: tecnologia.com

Advertisements