americana recorreu a software e hardware secretos para poder espiar computadores em modo offline, ou seja, que não estejam ligados à internet. De acordo com o New York Times, que cita documentos e informações providenciados por Edward Snowden, foram colocados transmissores em 100.000 máquinas, esses mesmos se espalhados pelo mundo e os transmissores sem fios podem estar instalados em placas de circuitos ou entradas USB, conseguindo transmitir até alguns quilómetros de distância.

Esta técnica terá sido usada para espiar alvos militares russos e chineses. No entanto, desconhecia-se a sua utilização por parte dos serviços de segurança e inteligência dos EUA.

 

Fonte: Jornal Sol

Advertisements