presenca_em_redes_sociais

O ano de 2013 veio revolucionar o mundo da internet. Os smartphones chegaram e conquistaram cada vez mais utilizadores, um número totalmente arrebatador como quatro milhões de portugueses. O acesso ao mundo online através de telefones móveis, generalizou-se de tal forma que criou um verdadeiro début politica nas redes sociais.

Este ano o Facebook e o Twitter serviram de ferramentas mobilizadoras de manifestações organizadas, através dos movimentos – Que se Lixe a Troika (Portugal) e Passe Livre (Brasil). A estes movimentos, juntam-se muitos mais que pretendem mobilizar um vasto número de pessoas. O ano 2014 para além de prometer dar continuidade a esta revolução, tende a ser mais inovador na era da tecnologia digital.

O Twitter estará mais forte, milhões de utilizadores em todo o mundo, irão consumir pela primeira vez anúncios na plataforma Twitter Ads.

O mobile vai explodir em apps. As marcas precisam de criar estratégias de longo prazo, para captar a atenção do consumidor.

Muitos data scientists irão aplicar técnicas e correlações a dados de social media para conhecer melhor os hábitos de consumo.

Em 2014, a linguagem rebuscada dos comunicados oficiais, deve dar lugar a formatos mais “sociais” como vídeos, posts ou infográficos.

Fonte: Google News, Público

Advertisements